quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Sentido

Entre a carne e o osso existe um foço dividindo
os que sentem a morte e os que morrem sentindo
O coração bomba a verdade
e a mente segue mentindo
Em cada pessoa uma busca
em cada voz um caminho
sangue nas veias, um gole de vinho
Eu...
só sei que prefiro viver sonhando
que morrer dormindo

2 comentários:

Maria Helena disse...

Adorei Dani!
Como sempre suas poesias são foda!

Abraços

LEIDYLA disse...

...e como me inspiram, suas palavras, suas viagens. Obrigada por compartilhar seus sonhos, meu querido!